Ex-motorista de jogador brasileiro tem prisão preventiva prorrogada até abril de 2021 na Rússia

Autor(a): Redação Galáticos Online (Twitter - @galaticosonline) em 22 de Outubro de 2020 16:17
Foto: Reprodução

Robson preso na RússiaApesar de o Governo Brasileiro ter entrado no caso para tentar sua libertação, Robson de Oliveira permanece detido na Rússia. Em audiência nesta quinta-feira (22), a Justiça local prorrogou a prisão preventiva do brasileiro até abril de 2021, segundo informações do ge.

O motorista de 48 anos trabalhava para o volante Fernando, que atuava pelo Spartak Moscou, e foi preso no país em 2019, quando tentava entrar com um medicamento para o sogro do jogador. O uso da medicação é permitido no Brasil, mas proibido na Rússia.

Ainda de acordo com o ge, a defesa de Robson pediu sua liberação com pagamento de fiança de 10 milhões rublos (cerca de R$ 730 mil), que seriam pagos pelo atleta, que hoje defende o Benjin Guoan, da China, para que ele aguardasse o julgamento em liberdade, mas não foi atendida.

O presidente Jair Bolsonaro segue acompanhando o caso e enviou à Rússia o senador Nelsinho Trad (PSD-MS) e a embaixadora Márcia Donner Abriu com uma carta para ser entregue a Vladimir Putin. No documento, Bolsonaro explica a situação de Robson e pede a soltura do motorista ao presidente russo.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Mais noticias


Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade