Luz no clássico

por Edson Almeida em 18 de Setembro de 2014 11:26

As atuações dos nossos dois times nos jogos de quarta-feira revitalizaram o clássico de domingo, que a má campanha de tricolores e rubro-negros o colocava num plano inferior, até mesmo com expectativa de quase ninguém na Arena Fonte Nova.

Agora, as coisas mudam e, quem ganhar, poderá ter ótima perspectiva no desempenho futuro. O Vitória se superou contra o Fluminense, ganhando-o, por 3x1, de virada, sem qualquer tipo de desculpa. Mesmo no primeiro tempo, quando foi para o vestiário perdendo 1x0, foi injustificável o desânimo da torcida e a apressada opinião de pessimistas, pois o time havia enfrentado Fred, Conca e Cia. de cabeça erguida, procurando o ataque.

No Rio, mesmo encontrando sérias dificuldades no tempo inicial, o Bahia teve equilíbrio e sabedoria para se valer de um Botafogo sem dois jogadores e virar com méritos de 2x1 para 3x2. Poderia até ser de um placar bem maior, não fosse a ansiedade dos tricolores, porque, depois que o alvinegro teve dois jogadores expulsos (Ramirez e Emerson Sheik), se sentiram na obrigação moral de ganhar. A pressão sempre muito problemática.

Ainda acho Vitória e Bahia bem ameaçados de degola, o Vitória um pouco mais. Só que abomino radicalismo, pois há torcedores que nem bem o jogo começa e já estão encontrando defeitos nas escalações, repudiando jogadores, desacreditando da eficiência de seus treinadores.

Nesta última rodada mesmo, a participação de Ney Franco e Gilson Kleina foi fundamental para as viradas. Tanto nas substituições quando na orientação psicológica de seus atletas. Muito pertinente quando Ney diz que “não podemos trazer para dentro do grupo o pessimismo de uns, as críticas sistemáticas de outros”, porque realmente essas coisas só podem trazer influência negativa para quem já enfrenta tanta dificuldade.

Kleina tem, também a sua grande parcela de ajuda psicológica, pois tanto em Feira (3x0 sobre o Figueirense) e no Rio (3x2 sobre o Botafogo), disse exaustivamente aos seus jogadores que “O Bahia tem potencial para brigar por uma colocação melhor, é só levar para campo essa convicção como bandeira de luta”.
 

Whatsapp

Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade